UniAteneu apoia projeto social voltado para mulheres praticantes de surf denominado “Surf Ladies”

A parceira com o grupo “Surf Ladies” é mais uma ação de apoio ao esporte local e nacional e de responsabilidade social desenvolvidas pela UniAteneu.

 

 

O Centro Universitário Ateneu desenvolve uma série de ações de responsabilidade social voltadas para a comunidade, envolvendo os colaboradores e os alunos de diversos cursos de graduação. No mês de março, foi estabelecida uma parceria com o projeto social “Surf Ladies” (@surf.ladies), dirigido pela surfista e idealizadora Joana Meireles, que beneficia meninas pré-adolescentes, adolescentes e mulheres jovens e adultas de diferentes bairros de Fortaleza e municípios do Ceará, assim como de outros estados brasileiros, quando participam de competições tanto no Ceará quanto em estados como Santa Catarina, Pernambuco e Rio de Janeiro. É mais uma ação de apoio ao esporte local e nacional e de responsabilidade social desenvolvidas pela UniAteneu.

Tudo começou com a criação de um grupo de mulheres praticantes de surf que se formou no WhatsApp ainda em 2016, já chamado na época de “Surf Ladies”. O grupo foi crescendo ao longo dos anos e hoje se tornou o maior grupo de surf de mulheres do estado do Ceará. Arquitetas por formação, a surfista e idealizadora do projeto Joana Meireles passou a se dedicar em fortalecer o surf feminino cearense, competindo, incentivando, promovendo circuitos femininos, encontros, aulões, rodas de conversas, surftrips de mulheres, incentivando a valorização da mulher dentro e fora do mar, ensinando, promovendo visibilidade para as atletas, viajando à procura de projetos femininos de surf em outros estados, dando dicas e tutoriais de movimentação no YouTube e tudo o que envolve as mulheres com o oceano.

Hoje, já fazem parte do projeto cerca de 130 mulheres de todos os níveis do surf, das iniciantes até atletas profissionais, ligadas ao surf, body board e stand up paddle. Semanalmente, acontecem os treinos com as surfistas na Prosurfer Surf House. Uma vez por mês, o grupo se reúne para um encontro para que todas surfem juntas, em alguma praia do Ceará. Geralmente, acontece por ano dois campeonatos de surf, sendo um por semestre. E a cada seis meses, o grupo “Ladies Surf” realiza duas viagens, sendo uma a cada três meses. “Acredito que o conhecimento e a profissionalização no esporte são essenciais para que o projeto consiga ter a credibilidade que precisamos e para que nós consigamos fazer com que mais atletas tenham essa consciência, de estudarem e ter uma profissionalização juntamente com as competições, para que cada vez mais tenhamos atletas completos”, afirmou Joana Meireles, que também é youtuber do canal Surf Ladies.

 

Publicada: 13/04/2020 às 14h52min